F L X G Instagram

Relatos de Parto - março e abril 2015

Depois do parto, uma das coisas mais emocionantes que acontecem e que marcam minha alma, e meu coração, são muitos relatos dos partos que cada mulher posta, seja nas redes sociais ou nos enviam por e-mail. 

Vou aqui compilar alguns relatos que me emocionaram nesses meses de março e abril, e agradeço de coração cada família que compartilha seus relatos, pois tenho certeza que ajudam muitos outros casais a fazers casias

Carla Lisboa - mãe de Eduardo

Me sinto uma pessoa abençoada, e só tenho a agradecer as pessoas a minha volta por me proporcionar a melhor experiência da minha vida! Primeiramente agradeço a Deus por colocar pessoas maravilhosas no meu caminho e por sempre estar ao meu lado em todas as situações da minha vida!
Quero agradecer a minha médica Dra Izilda Pupo, por todo apoio, esclarecimento e amizade! O seu trabalho é sensacional e sem o seu apoio eu não teria conseguido! Você me passou toda a tranquilidade necessária para o meu parto! Todos os esclarecimentos e sempre me mostrando que eu seria capaz e que você estaria em todos os momentos ao meu lado! O seu trabalho é incrível e nunca esquecerei do apoio e preocupação comigo e com o meu bebe! Um agradecimento para a minha doula Adriana Vieira que foi de extrema importância para me ensinar o tempo do meu bebe e não querer que ele venha no nosso tempo! Obrigada pela ajuda no alívio das dores, o apoio psicológico, os exercícios para ajudar no parto! A ajuda com a amamentação! Você é sensacional! Enfim sem essas duas pessoas maravilhosas me apoiando não teria conseguido o meu tão sonhado PN, vocês me ajudaram a passar por uma experiência incrível e me sinto uma guerreira por ter conseguido fazer o que é melhor para mim e para o meu filho! Obrigada por estarem ao meu lado no pré parto e pós parto! Vocês são incríveis!
Um outro agradecimento mais do que especial para o meu marido Stewe Souza, o que eu posso dizer para você? Além de agradecer por ter me dado o nosso maior presente! Bom tenho que agradecer por todo apoio durante a gravidez, por ter me apoiado na decisão de ter um PN, por sempre estar ao meu lado em todos os momentos! Você foi incrível e continua sendo! Obrigada por estar as noites acordado ao meu lado quando estava com dor, por segurar a minha mão e me ajudar a fazer a força me dizendo que está muito perto, pelas massagens para aliviar a dor! Obrigada por estar ao meu lado nos primeiros dias de vida do nosso príncipe, pela preocupação se está tudo bem, pelo simples fato de estar ali ao nosso lado mesmo que em silêncio, mas mostrando que está ali para qualquer coisa que precisarmos! Com toda a certeza você é o melhor pai que o Eduardo poderia ter! Te amo incondicionalmente cada dia mais!
E um outro agradecimento para a minha mãe, Fátima de Melo Lisboa, pelo apoio ao PN, por sempre me mostrar que não seria fácil, mas que não era impossível e que eu iria conseguir! Obrigada por toda ajuda no pós parto, por passar as noites em claro comigo no hospital! Por estar todos os dias comigo, cuidando de mim, do Dudu, da minha casa! Sem esse apoio eu não sei o que faria! Eu te amo demais e qualquer coisa que eu escreva vai ser pouco para expressar a gratidão que tenho por ter uma mãe maravilhosa como você! O Dudu já ama demais essa vó!
E obrigada a todos os meus amigos e familiares que direta ou indiretamente me ajudaram! Não posso colocar o nome de todos, mas sei que tivemos muitos torcendo por nós! — se sentindo abençoada com Fátima Melo Lisboa, Stewe Souza, Izilda Pupo e Adriana Vieira.

image


Valquíria - mãe de Maria Alice

Vim agradecer a vcs pelo apoio qnd apareci aqui as 34 semanas querendo mudar de médico.
Vcs nao podiam ter me indicado pessoas melhores,
Adriana Vieira e dr.Izilda.
Gente elas foram maravilhosas!

A Dri me ensinou coisas e técnicas que eu nem sonhava existir, rsrs e a Dra me acolheu (ou como ela mesa diz, me adotou) e o tempo todo apoiou o meu sonho de parto humanizado,  sem nenhuma desculpa esfarrapada. Com a ajuda das duas e do meu marido lindo, companheiro e doulo (rsrs) foi possível que tudo ocorresse da melhor maneira possível.

Minha princesa nasceu exatamente na data prevista para o parto,  sem dar nenhum aviso prévio! Na segunda às 23:00 começaram as contrações e um pouco do líquido saiu, depois disso elas não sessaram, começaram de 10 em 10 min e rapidamente estavam de 6 em 6. Ja tinha avisado a Dri e tentei dormir pra descansar o maximo. consegui ficar até as 4 da manhã e então liguei pra ela de novo pois as contrações estavam num intervalo muito curto. Fui pro chuveiro e ela chegou bem rápido.
Às 5 fomos pro hospital. Chegamos la, andamos um pouco depois fomos pra sala pré parto. (Daqui pta frente nao lembro de muita coisa) rsrs…sei que as dores foram cada vez mais intensas,.mais perdi a noção do tempo. A Dra vinha me ver de vez em quando, lembro que ela sempre chegava com um ato de carinho mais eu não conseguia responder,tava fechada no meu mundo… meu marido fazendo massagens revezando com a Dri, e eu ficava um pouco de cada jeito, hora na cama, hora no chuveiro (gente que chuveiro é aquele Emoticon confused uma gota em cada canto e ainda dava choque, infelizmente a estrutura do hospital é pessima) sorte a minha que minha equipe fez tudo pra me deixar confortável. Qnd finalmente cheguei aos 9cm e pouco faltava um pouquinho so, mais estava muito cansada. A dra me deu uma ajuda pra liberar esse pouquinho e daí pra frente foi muitoo tranquilo. Fomos pra sala de parto (a delicadeza da dra é tamanha, ela chegou a colocar o chinelo no meu pé  e me amparou até la) meu marido foi se trocar.
Ja na sala ela colocou a cama da melhor forma possível,  nao precisei ficar na posição ginecologica, o que me ajudou muito,  e nisso muita vontade de fazer força (ouço a dra falando, corre chama o pai senão ele não vai ver) e  ele chegou. Na primeira força sinto minha pequena coroando, é como se fosse em câmera lenta, sinto todos seus movimentos, nao lembro mais da dor só da vontade de te-la logo em meus braços e meu peito.E foi assim, na segunda vez que fiz força ela veio pra mim…foi somente amparada, nada  nem ninguém interferindo, e ela veio linda, cabeluda, forte! Chorou como se dissesse: mamãe eu cheguei pra te fazer feliz e transformar sua vida!  
E tem transformado lindamente!

Maria Alice veio e ficou em meu peito por mais de uma hora…Não tive nenhuma intervenção, e nenhuma laceração. Deixaram o cordão parar de pulsar e nao colocaram o colirio de imediato. A pediatra à examinou no meu peito mesmo! Minutos depois com uma colicazinha veio a placenta.
 Eu achando ser umas sete da manha…rsrs…qnd na verdade eram 10:39 hs.

Meus mais sinceros agradecimentos à minha linda e amada Doula Adriana Vieira, minha medica maravilhosa, carinhosa e super competente(nao vou descrever todas as qualidades se não vira mais um texto) dra Izilda Pupo. E ao meu marido, meu amor, companheiro, pai da minha jóia mais rara! Sem vcs nada seria possivel! Obrigada meus amores!

image
image

Rafaela La Scala Teixeira - mãe do Davi



E o dia 01 de abril nunca mais significará pra mim o dia da mentira.

A partir desse ano, será pra mim o dia da mais pura verdade! Meu reizinho Davi veio ao mundo pra me provar que…

o amor de uma mãe por um filho é o mais verdadeiro e sublime que existe;

que realmente é verdade que, quando meus olhos cruzassem com os desse serzinho de luz pela primeira vez, esse momento congelaria em minha memória e pra sempre seria lembrado enquanto eu vivesse; que é verdade que quando eu o tocasse pela primeira vez eu me transformaria numa leoa capaz de dar a vida por alguém que você ainda nem conviveu mas que já ama incondicionalmente; que é verdade que quando eu ouvisse sua vozinha chorosa pela primeira vez eu iria no infinito pra lhe consolar, alegrar, cuidar, aninhar; que é verdade que o nascimento de um filho esperado transforma a vida de um casal em 1000%, mas para melhor, não tenho mais dúvida disso; que é verdade que um nascimento (parto) respeitoso, na hora certa, na hora do bebê, sem violências obstétricas, rodeado de amor por todos os lados, torna-se um evento da família, pois os protagonistas fomos nós, a mãe, o pai e o bebê….e essa experiência me mostrou o quanto é verdade que meu corpo sabe parir e meu bebê sabe nascer. E por fim, esse dia especial me deu mais uma prova de que é verdade que os momentos devem ser vividos intensamente, nas várias fases da vida, e as experiências devem ser transformadoras. Inicio assim um novo ciclo em minha vida, onde eu nunca mais, em momento algum, estarei sozinha…sou MÃE…e eu nem preciso descrever aqui tudo o que essa palavra nos traz de verdade e mais verdades!! Agradeço à Deus por permitir viver essa experiência da maternidade à amada Dra Izilda Pupo, a minha querida doula Adriana Vieira, ao melhor marido do mundo Cauê La Scala Teixeira, e ao meu tão esperado e amado filho Davi, por permitirem que esse momento se tornasse a maior verdade da minha vida! Gratidão por vocês e um amor imenso do fundo do coração!

A hora do mamaço: evento nacional acontece em Santos, em prol do aleitamento materno

image

A HORA DO MAMAÇO

Evento oficial idealizado pela Comunidade “Aleitamento Materno Solidário” no Facebook, com a ideia de lançar um evento anual, onde todas as mães, de todas as cidades e estados brasileiros, se reúnam – no mesmo dia – em um ponto turístico de suas cidades, para amamentarem seus bebês simultaneamente.

O objetivo é trazer à sociedade a reflexão e a discussão da importância do ato de amamentar e seus inúmeros benefícios para a día de mãe bebê.

Em 201, 45 cidades participaram e mais de 50 vídeos foram compiladas em um único vídeo com mais de 5 mil visualizações:

A ideia é informar cada vez mais mulheres sobre a importância do aleitamento materno exclusivo até os seis meses do bebê (sem chá, água ou qualquer outro líquido) e até os 2 anos, juntamente com a alimentação sólida. Isso é preconizado pela OMS e pela Sociedade Brasileira de Pediatria.

Santos já participou no ano passado, e esse ano aderiu mais uma vez ao evento! 

“Vamos colaborar de todas as formas possíveis pra que um número ainda maior que o ano passado, participe e se informe. Assim, teremos mais bebês saudáveis, e mais mães bem informadas”, afirma a coordenadora do evento em Santos, Adriana Vieira, que é mãe de 3 filhos, e amamenta Dora, que completa 1 ano nesse mês de julho.

O evento acontece em todas as cidades do Brasil, dia 2 de agosto, e Santos preparou uma programação especial, das 15 horas até ‘as 18 hs no Emissário Submarino, que fica na divisa da Cidade com São Vicente.

Vamos ter a seguinte programação gratuita:

A HORA DO MAMAÇO EM SANTOS:

15 hs : Roda de conversa com a enfermeira Sandra Abreu, do “Anjos do Leite”, esclarecendo dúvidas sobre amamentação.

15 hs 30 : gravação do video “ A Hora do mamaço” - todas as mães reunidas e amamentando (pais, companheiros, mães que já amamentaram, avós e demais participantes tbem serão bem vindos)

16h30 : oficina de babywearing ensinando mães a carregarem seus bebês no sling ou wrap, em posições para amamentar;

17 hs : massagem em bebês - Shantala - melhora cólicas, traz sensação de carinho, proteção e fortalece o vínculo mãe e bebê

17 hs 30 : aula de materdança - dança para mães com bebês.

Durante todo o período teremos vários profissionais da área da saúde dando informações sobre os benefícios do aleitamento materno.

Até lá!

Participe conosco no grupo do facebook, onde você confere toda a programação: https://www.facebook.com/groups/horadomamacosantos/667929913298949/?notif_t=group_comment_reply

image

image

Aulas para pais e mães com bebês ajudam física e mentalmente

Aulas de Babyoga e MaterDança são elaboradas com muito cuidado e carinho para que pais, mães e bebês tenham mais interação, e através do processo lúdico, se expressem, pois muitas vezes não é com palavras que conseguimos expressar nossas sensações e sentimentos, bem como, os nossos bebês.

As aulas são indicadas a partir de um mês do pós parto (normal, natural) e dois após a cesariana, pois comprovadamente, mães que se sociabilizam, tem menos pré disposição a terem depressão pós parto ou baby blues.

“Nossa intenção aqui na Namaskar Yoga é ter um local dedicado para pais e mães com bebês, onde possam fazer aulas juntos, trocar seus bebês confortavelmente, dar mama, enfim, ficarem ‘a vontade com eles, nesse período em que são pequenos”, afirma Aline, coordenadora do espaço. 

Babyoga: aula de duração de 1 horas, para mães com bebês a partir de um mês, onde, elas (as mamães) vão trabalhar o corpo e a mente pós parto, ou seja, exercícios psicofísicos, que trabalhem o assoalho pélvico, períneo, além de alongar coluna (devido a amamentação, ficamos muito curvadas), fortalecer braços e pernas, e ainda respirações para acalmar a mente e nos manter em harmonia. 

Os bebês ficam em algumas posturas no colo da mãe, e em outras, no tapetinho, bem em frente da mamãe também.

terças e quintas: 17 horas. 

Reserve uma aula gratuita (3345 2680)

image

image

MaterDança: 

Materdança, é uma técnica de dança inspirada na Dança Materna criada pela bailarina Tatiana Tardioli. Mesclando técnicas de dança contemporânea, improvisação e danças brasileiras a Materdança para mães e bebês andantes estimula o dançar em duplas através de atividades rítmicas onde a mãe (através de um mediador) propõe a criança possibilidades de movimentos, sempre acompanhados de muita música.

“Antes de pronunciar as primeiras palavras, o ser humano, fazia gestos e sons como forma de comunicar suas ideias e emoções”. Lenira Rengel

Aqui em Santos, que iniciou a prática da MaterDança foi a bailarina e educadora física, Fernanda Iannuzzi, logo após o nascimento de sua filha Teodora, hoje com 1 ano e 8 meses. Tudo começou aqui na Namaskar Yoga…

O objetivo é proporcionar uma interação diferente entre mãe e bebê. Incentivar o “brincar” de forma criativa. Otimizar exercícios que desenvolvam noção corporal e espacial. Contribuir para a socialização entre bebês. Trabalhar a capacidade criativa de mães e bebês. Estimular os bebês através de atividades rítmicas, desenvolvendo potencialidades cognitivas e motoras. Promover uma troca de conhecimentos entre mulheres que estão passando por uma mesma fase da vida.

As aulas são separadas por turmas:

Materdança baby: para pais e mães com bebê de colo

Materdança Kids: para bebês entre 1 a 3 aninhos (com atividades para os andantes)

A MaterDança para mães e bebês andantes (Materdança Kids) é uma continuação ao trabalho realizado anteriormente com bebês de colo. Agora, onde os bebês atingiram uma nova fase de desenvolvimento, faz-se necessário uma atividade que trabalhe o caminhar, o rolar, o engatinhar, o correr de forma lúdica e criativa. Através de atividades rítmicas propostas por um mediador, mães e bebês criam movimentações juntos, embaladas por ritmos brasileiros. Nesse ritmo descontraído os bebês desenvolvem potencialidades como noção corporal e espacial, coordenação motora e socialização. As mamães conseguem unir a prática de uma atividade leve a um momento divertido de brincadeira com seus bebês. Público-Alvo Mãe e pais com bebês que andem +/- 1 ano até 3 anos.

Desenvolvimento: Aulas com duração de 1h. Turmas de no máximo 15 bebês.

Aulas organizadas em:

Parte I – Aquecimento através de técnicas de chão de dança contemporânea que trabalham fortalecimento muscular e alongamento. Atividade destinada as mães. Nesse momento os bebês ficam livres pela sala, podendo interagir com as mães e outros bebês (aproximadamente 15 minutos).

Parte II – Atividades rítmicas, ao som de música brasileiras, e dinâmicas que proporcionem o potencial criativo entre mamães e bebês (aproximadamente 30).

Parte III – Relaxamento através de exercícios de volta a calma para as mães e bebês (aproximadamente 20 minutos).

Aulas aos sábado! 2 vezes por mês.
Valor R$ 45,00 cada aula ou R$ 80,00 por mês (reservas antecipadas)
Confira as datas das aulas para esse semestre (2014):
5/04 e 26/04; 10/05 e 24/05; 7/06 e 28/06; 12/07e 26/07

* Para reservar vaga para essas aulas gratuitas, ligue: 3345 2680 ou 99787 6693 ou envie um mail para : info@namaskaryoga.com.br

 image

image

image

Shantala, a arte de massagear o bebê desde os primeiros dias

A importância do toque é infinitamente estudada e comprovada como algo que salva vida de bebês, principalmente os prematuros, que ficam distantes dos pais. Se tocados diariamente, esses bebês tem uma sobrevida maior. Mas o toque é bom pra todos nós, pra quem faz, pra quem recebe.

A Shantala nada mais é do que um sistema organizado de toques que vão proporcionar ao bebê segurança, afeto, bem como melhorar as cólicas, desconfortos físicos, e muito conforto emocional.

Existe uma maneira correta de fazer a Shantala, bem como a série correta a seguir, pra que os efeitos relaxantes aconteçam.

Todo bebê pode receber a massagem Shantala a partir de um mês de vida. Antes disso, o indicado são os toques ‘borboletas’, que são mais leves, mais sutís.

Durante a Shantala, quem vai aplicar no bebê deve estar relaxado, com tempo suficiente pra praticar sem interrupções, ou seja, deve ser um momento especial apenas da mãe ou pai, com seu bebê, pra que esse se sinta realmente “abraçado” por esse toque.

Próximo curso: 

09 de novembro
Horário: 10hs ao meio dia
Local: Av Siqueira Campos, 429 - sala 11

- Aproxima o vínculo entre o bebê e quem aplica a massagem
- Melhora as cólicas e prisão de ventre
- Estimula a produção de endorfinas, trazendo maior bem-estar
- Melhora a respiração, promovendo abertura torácica
- Equilibra o sistema nervoso e hormonal do bebê
- Desenvolve a amorosidade, segurança e sentimento de proteção

Inscrições e outras informações: aline@namaskaryoga.com.br

3345 2680

image

Aula de MaterDança + festa de Halloween = diversão e atividade física pra mães c bebês

Aqui na Namaskar Yoga estamos sempre abertos aos encontros que reúnem mães, pais, avós, bebês! Queremos que esse período conhecido como ‘puerpério’ seja uma extensão gostosa da maternidade.

Por isso, além das aulas de MaterDança, Babyoga (pra mães com bebês) e dos dois encontros mensais e gratuitos que fazemos sempre (Roda de Mães da Baixada (4/11) e Roda de Mães com bebês (29-10) este mês, as alunas deram uma ideia de fazer uma festinha de Halloween, e claro, eu e Dorinha amamos a ideia!

Então, se você ainda não participou de nossos encontros, essa é uma oportunidade! E se você já nos conhece, não pode faltar:

Dia 28 de outubro

Horário: 17hs para a aula gratuita de MaterDança

18 horas - hora de compartilhar comidinhas e bebidinhas saudáveis

Local: Namaskar Yoga

Endereço: Av Siqueira Campos, 429 sala 11

e não se esqueça, dia 29 tem nossa roda de mães com bebês: 18hs

assunto: Desmame, com a enfermeira Sandra Abreu (Anjos do Leite)

Reserve sempre sua vaga antecipadamente: aline@namaskaryoga.com.br

ou ligue: 3345 2680

image

Custom Post Images